Onde começa a promoção da sua marca? Dentro da sua empresa!

Outro dia um amigo empresário me fez uma pergunta interessante: hoje em dia, com todas as ferramentas de marketing disponíveis no mercado, por onde deve começar a promoção de uma marca? Respondi: por onde sempre começou, dentro da sua empresa. “Como assim?”, recebi uma indagação de espanto de volta, como se ele esperasse uma outra resposta nesses tempos de redes sociais, e-mail marketing e outros tantos canais de divulgação de uma marca. Expliquei: a promoção da sua marca começa dentro da sua empresa, ou seja, com os seus colaboradores.

Não satisfeito, meu amigo me pediu um exemplo prático. Usei um exemplo quase banal, mas bem ilustrativo. Se uma empresa de 200 colaboradores publica um post em sua fanpage e apenas metade deles dá uma curtida nos minutos seguintes à publicação, temos um post com 100 curtidas, ou seja, com enorme potencial de repercussão, com grande chance de “viralizar” e de se tornar relevante na rede social. É válido lembrar que o Facebook avalia se uma publicação é relevante a partir da primeira hora de publicação. Daí a importância de contar com a ajuda do próprio time para promover a sua marca nas redes sociais. Moral da história: com colaboradores engajados, que vendem bem a sua empresa, você já começa o trabalho de promoção da sua marca “em casa”.

É um paradoxo curioso o que se vê no mercado atualmente. Há várias marcas por aí que investem milhares, às vezes milhões de reais em ações de marketing de todos os tipos para atrair mais clientes e fidelizar os atuais, mas relegam o poder que os seus próprios colaboradores têm para construir e fortalecer a marca. É óbvio, mas muitas marcas esquecem disso: se você tem um colaborador bem treinado, consciente do seu papel em uma organização, reconhecido, motivado e engajado, você tem um excelente vendedor da sua marca.

É importante enfatizar que em muitas situações o colaborador de uma empresa é o primeiro ponto de contato da sua marca com o cliente ou o potencial cliente. Portanto, é fundamental que ele seja bem treinado. Ele necessariamente precisa atender bem o cliente e entender o negócio. Caso contrário, vai afastar o cliente do seu negócio, divulgar a sua marca de forma negativa, fazendo exatamente o oposto do que você precisa.

O seu colaborador também precisa estar consciente sobre a importância do papel dele para o sucesso do negócio. É muito cool ter uma mesa de sinuca e pufes no meio da empresa, mas se o seu colaborador não entregar bons resultados, torna-se apenas um nome na folha de pagamento. Para que ele entregue bons resultados, além de ser bem treinado para a função que executa, deve entender o propósito da marca e ter autonomia para desenvolver seu trabalho.

Se um colaborador tem consciência sobre a relevância do seu trabalho, entende o propósito da marca e tem autonomia para realizar o seu trabalho, ele precisa apenas dedicar-se para ser reconhecido pela empresa. Aqui entram as políticas de RH para que o colaborador que se dedica seja realmente reconhecido, e eu não me refiro somente à questão financeira. Há muitas formas de reconhecimento que vão além de um aumento de salário. Cada empresa tem suas próprias formas de reconhecimento e o objetivo desse artigo não é falar sobre políticas de RH. O fato é que o colaborador reconhecido torna-se muito mais motivado, o que é ótimo para a marca.

Um colaborador motivado, por sua vez, é muito mais sensível às ações de endomarketing, aquelas que irão levar esse mesmo colaborador a um outro nível de comprometimento com a marca: o nível de estar engajado não somente com o propósito da marca, mas com os norteadores estratégicos da empresa: missão, visão e valores (acredite, norteadores estratégicos não são apenas quadrinhos na parede da recepção da empresa, eles são realmente importantes para uma organização, desde que ela dê a devida importância a eles, é claro). É exatamente esse colaborador engajado que vai se transformar em um embaixador da marca e, de forma bastante natural, realizar ações de promoção da marca como curtir um post no Facebook, falar bem da empresa na qual atua para parentes e amigos e defender com unhas e dentes a qualidade dos produtos e serviços que produz e/ou vende. E é esse mesmo colaborador engajado que irá fazer bonito no contato com o cliente e criar uma ótima percepção da sua marca. Não é um ótimo ponto de partida para uma boa estratégia de marketing?

Por onde começa a promoção da sua marca? Dentro sua empresa! Basta apenas fazer o dever de casa: cuide bem do seu colaborador, do seu cliente interno, ou seja, do seu primeiro cliente.